Polícia do Amazonas faz operação contra furto de combustível

Agência Brasil

09/02/2018 – A Polícia Civil do Amazonas deflagrou na terça-feira uma operação de combate a esquema de desvio de combustível transportado em balsa.

O alvo da operação é uma quadrilha que furtou 642 mil litros de gasolina em novembro do ano passado.

O prejuízo é de cerca de 2 milhões de reais, um dos maiores da história. Já foram cumpridos três mandados de prisão preventiva e temporária.

A gasolina foi furtada de uma embarcação que estava atracada em um porto de uma empresa de transporte de combustíveis. O terminal portuário fica na margem do Rio Negro, nas proximidades do Porto da Ceasa, Zona Sul de Manaus.

Os desvios do combustível ocorreram durante a madrugada. Um vigilante teria ajudado na ação dos criminosos.

Os furtos de combustível na região são frenquentes. O vice-presidente do Sindicato das Empresas de Navegação Fluvial do Estado do Amazonas (Sindarma), Claudomiro Carvalho Filho, aponta as estatísticas sobre o crime. “As empresas de transporte de combustível na Amazónia perdem por ano algo em torno de 100 milhões com esse tipo de delito”, afirma.

O Sindicato tem alertado os associados para que registrem boletim de ocorrência quando forem vítimas de furtos e repassem informações às autoridades para que seja feito um trabalho de inteligência pela polícia do Estado.

Para escutar a reportagem na íntegra, clique aqui.