Raízen Energia teve prejuízo de R$ 107,2 milhões no último trimestre

Valor Econômico

08/11/2018 – Raízen Energia, joint venture entre Cosan e Shell, registrou prejuízo líquido de R$ 107,2 milhões no segundo trimestre da safra 2018/19, de acordo com balanço da Cosan divulgado hoje. No mesmo período da safra passada, a companhia sucroalcooleira teve lucro líquido de R$ 390,8 milhões.
O balanço da Cosan não entrou em detalhes do resultado da Raízen Energia, mas indicou que houve impacto negativo no resultado líquido da sucroalcooleira decorrente de efeito contábil do câmbio sobre o açúcar e impacto positivo decorrente da variação do valor atribuído ao ativo biológico. Para ler esta notícia, clique aqui.