Usinas solares contratadas em leilão já somam investimentos de R$ 9,5 bi

Valor Econômico

16/01/2020 – Enquanto o segmento de geração de energia solar de pequeno e médio porte voltada para consumidores finais aguarda uma definição da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e do Congresso sobre novas regras, a indústria de grandes usinas solares está em ascensão.Levantamento feito pela Greener, empresa de pesquisa e consultoria especializada no setor, indica que deverão ser investidos R$ 9,5 bilhões até 2025 em empreendimentos solar de grande porte já contratados em leilões de energia realizados pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). Até o ano passado, foram investidos R$ 10,6 bilhões em projetos do tipo no Brasil. Para ler esta notícia, clique aqui.